As postagens desse blog são em caráter informal e de apego ao conhecimento popular.

sábado, 4 de junho de 2011

Meu endereço (Zé Miguel)

 
Meu Endereço
(Zé Miguel e Fernando Canto)

Meu endereço é bem fácil
É ali no meio do mundo
Onde está meu coração, meus livros, meu violão
Meu alimento fecundo
A casa por onde paro
Qualquer carteiro conhece
É feita de sonho e linha 
Que brilha quando anoitece
Na minha casa se tece
Mesura na luz do dia
Pra afugentar quebranto na hora da fantasia
É fácil o meu endereço 
Vá lá quando o sol se pôr
Na esquina do rio mais belo
Com a linha do equador

Veja também: